Ligação Direta - Notícias
Salvador, 23 de Julho de 2019

Angelo Coronel discute com Moro no Senado e questiona: "O sr. autoriza o Telegram a fornecer as mensagens?"

[Angelo Coronel discute com Moro no Senado e questiona:

O senador Angelo Coronel (PSD-BA) discutiu com o ministro da Justiça, Sérgio Moro, ao questioná-lo se ele autoriza o Telegram a fornecer suas mensagens armazenadas nos servidores para comparar com os diálogos divulgados pelo site "The Intercept Brasil". Moro se apresenta nesta quarta-feira (19) na Comissão de Constituição e Justiça da Casa, e chegou a discutir com Coronel ao se esquivar da pergunta.

"Vossa excelência afere que participa de grupos de WhatsApp e Telegram. Trocou mensagens com procuradores da Lava Jato. Pergunto: também trocou mensagens com advogados de defesa, ministros, desembargadores, membros do Congresso ou até jornalistas, passando as mesmas mensagens sobre processos? O senhor disse que não tem mais essas mensagens, autoriza o Telegram a fornecê-las? Eles devem ter em seus servidores. O senhor autoriza Dallagnol a entregar o celular, pois pelo visto ele não apagou as mensagens. Isso acabaria com o que o senhor chama de sensacionalismo", disse Coronel

Moro respondeu: "Não tenho como disponibilizar um material que não existe. Não me recordo se três anos atrás mandei mensagem daquela natureza".

Em sua tréplcica, o pessedista insistiu na pergunta: "Não estamos questionando a Lava Jato. Eu fiz uma pergunta: o senhor autoriza o Telegram a fornecer as mensagens que estão na nuvem? Se tudo é normal, vamos esclarecer para acabar esse sangramento".

O ministro então reiterou que excluiu a conta no Telegram e não possui mais as mensagens. Coronel rebateu e disse que Moro não havia entendido a pergunta, já que as mensagens não estariam no celular, mas nos servidores do aplicativo.

Bnews // AO

Postado em 19 de Jun 2019 as 13 : 40 : 00

 

Copyright 2014 - Todos os direitos reservados