Ligação Direta - Notícias
Salvador, 15 de Outubro de 2019

Policiais militares do interior são contrários à greve

 

[Policiais militares do interior são contrários à greve]

]

Policiais militares do interior da Bahia têm demonstrado serem contra a greve anunciada pelo deputado Soldado Prisco (PSC), nesta terça-feira (8). Em mensagens que circulam nos grupos de PMs, a maioria tem criticado a postura do presidente da Associação de Policiais e Bombeiros e de seus familiares do Estado da Bahia (Aspra).

“Rapaz, soube agora que houve a decretação de greve lá em Salvador. Agora, esse negócio eu já conheço. O tal do Prisco passou aqui por Itabuna, ninguém nem deu bola.

A real é que tá todo mundo fazendo a sua correria e esse movimento serve é pra prejudicar a gente mesmo. Prisco nunca foi policial, o cara é político e tem os interesses deles. Velho, a tropa por aqui não quer nem saber disso. Esse negócio de greve é furada”, escreveu um policial.

Outro oficial conta que estava conversando com os colegas e nenhum teria interesse na mobilização. “Eu não sei onde esse Prisco conseguiu gente pra dizer que a PM tá em greve [...] esse tipo de coisa no final sobra para o galho mais fraco. A gente tem família e muitos companheiros hoje estão demitidos por conta desses movimentos. Apesar dos problemas, aqui em Jequié tá tudo tranquilo”, garantiu.

Em Barreiras, uma fonte confirmou que a Polícia Militar não parou, pois o movimento deflagrado por Prisco não representaria os oficiais da região. Na cidade de Vitória da Conquista, os grupos de policiais dizem que a Aspra não tem nenhum peso. “Uma assembleia que teve umas 300 pessoas, a maioria aposentado que não tem nada a perder”, reclamou ..

 

BNwes/// Figueiredo

 

Postado em 09 de Out 2019 as 05 : 27 : 30

 

Copyright 2014 - Todos os direitos reservados