Notícias

Na veia da sindicalista não corre desistência, diz prefeita de Cachoeira ao Ligação Direta

23 de abr - 09h55

 

Prefeita de Cachoeira relata sofrer ameaças após ser eleita 1ª mulher ao cargo — Foto: Ascom / Prefeitura de Cachoeira

 

Ao conceder entrevista exclusiva ao programa Ligação Direta da Salvador FM nesta sexta--feira, 23, a prefeita da cidade de Cachoeira, localizada no Recôncavo baiano, Eliana Gonzaga de Jesus ( Republicanos ) mostrou-se completamente firme no enfrentamento às ameaças de morte que vem sofrendo.

Afirmando que "na veia da sindicalista não corre desistência" a prefeita detalhou as ofensas de racismo que vem sofrendo desde a campanha eleitoral do ano passado por ser negra.

"Ganhei as eleições e as ameaças continuaram por ser também a primeira mulher a ser eleita prefeita da cidade” disse Eliana, foi quando no dia 17 de novembro um dos membros da minha campanha foi executado  em pleno dia, o Ivan Passos.

A partir daí correram boatos de que havia uma lista de pessoas a serem eliminadas na qual estariam a prefeita, seu esposo e filho, e que o próximo seria o vereador Georlando Silva como efetivamente ocorreu no dia 7 de março. Ele foi executado com 19 tiros no rosto na porta da Delegacia de Polícia.

A prefeita defende que têm de ser presos não somente os assassinos mas principalmente os mandantes.

Diante dos fatos a prefeita começou a andar com uma guarda pessoal, mas a partir desta quinta-feira, 22, o secretário de Segurança Pública e o Comandante da Polícia militar assumiram o caso e uma escolta armada vem lhe dando segurança.

Eliana Gonzaga de Jesus ( Republicanos) fez agradecimento à todos os movimentos negros, Assembleia Legislativa da Bahia, deputados federais e à população de Cachoeira que estão lhe dando apoio.

Finalizando ela disse : " Eu só que ter a paz e a harmonia do universo para poder trabalhar por minha Cachoeira".

 

Da Redação do LD Notícias por Alberval Figueiredo

Jornalista 

 

Notícias Relacionadas

LD com você: ouvinte pede para políticos destinarem verbas à população durante pandemia

Se isso acontecesse, daria para comprar quase 8 mil cestas básicas por mês

05 de mai - 15h10

Ligação Direta: ouvintes pedem a volta do programa Domingo é Meia

O benefício foi suspenso em março

04 de mai - 14h49

Rui quer nome com perfil técnico na Casa Civil; vaga não deve ficar com partido da base

Rui a vaga ainda não foi ocupada porque ele tem predileção por um perfil mais técnico,

30 de abr - 08h16

Medrado lamenta fechamento do posto dos Correios no distrito de Guaibim, em Valença

O desmantelamento administrativo dos Correios é evidente

30 de abr - 07h32

Medrado comemora recuperação da BA-001 Bom Despacho - Camamu

É um incentivo para a economia da região

29 de abr - 07h38