Notícias

Para Coronel, participação de Mandetta na CPI "não contribuiu para nada"

04 de mai - 20h50

Por: Juliana Nobre

O senador Angelo Coronel (PSD-BA) avaliou a participação do ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, na CPI da Covid, nesta terça-feira (4). Em conversa com o LD Notícias, na noite de hoje, o parlamentar apontou falhas nas declarações e falta de informações consideradas importantes para ele, como superfaturamento de contratos da pasta.

"Na verdade, eu não vi contribuição de nada, porque o que foi falado ali, a grande parte é informação pública. Mandetta não falou do superfaturamento, desconversou. Apesar de tentar responder aos questionamentos, nada foi fora do script", apontou o senador.

Ainda de acordo com Coronel, o discurso do ex-ministro foi alterado. "Uma mudança muito radical. Porque uma semana antes elogiava Bolsonaro, depois que foi demitido fala mal de Bolsonaro.

A expectativa do senador é que a participação do também ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello possa contribuir mais no colegiado. "Não estou vendo algo assim que possa vir a contribuir para reduzir ao máximo a mortandade que está tendo no Brasil. Para mim, o foco maior é a CPI servir de instrumento de pressão para o governo importar vacinas e insumos para salvar vidas. Isso é o mais importante", defendeu.

 

Notícias Relacionadas

Rodrigo Maia diz que caráter de ACM Neto é menor que sua altura

Ex- presidente da câmara e aliado, ataca ACM com comentários em rede social

14 de mai - 18h34

Ministério da Saúde assina compra de 100 milhões de doses da Pfizer

Até o fim do ano o Brasil deve receber 200 milhões de doses de imunizantes da farmacêutica

14 de mai - 17h46

ACM Neto alfineta Dória após saída do vice-governador de São Paulo do Democratas

Rodrigo Maia rebate ACM chamando-o de “oportunista”

14 de mai - 17h09

Vereadora trans de Niterói deixa o país após ser alvo de ameaças

Benny Briolly recebeu diversas ameaças, inclusive de morte

14 de mai - 16h25